CERCINA e Rádio Nazaré dão voz à igualdade em programa semanal

Já está no ar “A Voz da Igualdade”, um programa de rádio coordenado pela CERCINA e com emissão semanal na antena da Rádio Nazaré.
Em cada semana serão abordados temas relacionados com a Convenção dos Direitos das Pessoas com Deficiência, com a presença em estúdio de técnicos da CERCINA, de especialistas convidados e, sobretudo, de pessoas apoiadas pela organização.
Este programa resulta de uma candidatura ao Instituto Nacional de Reabilitação, que co-financiará o projeto, com o objetivo de contribuir para a informação e sensibilização da opinião pública para as questões da igualdade e da inclusão.
«Por muito que já se tenha conquistado ao nível dos direitos, é sempre um trabalho inacabado», explica Joaquim Pequicho, presidente do Conselho de Administração da CERCINA. «A importância deste programa de rádio é mostrar como, na prática, se afirmam os direitos preconizados nas convenções, como a autodeterminação, a autonomia e vida independente, ou a desinstitucionalização. Em cada contexto familiar, há sempre alguém com deficiência física, intelectual ou mental», afirma. «Penso que o programa vai ajudar a compreender estas questões e mostrar a importância que têm para cada uma das pessoas que está a ouvir».
“A Voz da Igualdade” vai para o ar na Rádio Nazaré semanalmente, às sextas-feiras, entre as 11h e as 12h.




Campanha IRS Solidário 2019

Campanha IRS Solidário 2019
A si, que generosamente contribuiu com 0,5% do seu IRS para a CERCINA, o nosso sincero agradecimento. A sua contribuição vai ajudar-nos a prosseguir a nossa missão em nome da valorização e da inclusão da pessoa com deficiência.




Cercina reuniu em Assembleia Geral

A CERCINA reuniu em assembleia geral no passado dia 26 de junho, numa sessão marcada pelo contexto de contingência provocado pelo surto de Covid-19.

Neste âmbito, foram tomadas todas as medidas de segurança sanitária recomendadas pelas autoridades de saúde, nomeadamente o uso obrigatório de máscara e o distanciamento social entre participantes.

A assembleia aprovou o relatório de gestão e contas do exercício de 2019 que, segundo o presidente do Conselho de Administração, Joaquim Pequicho, «inverteu a tendência de resultados negativos da operação da CERCINA» registada nos anos anteriores.

Foi igualmente aprovado o Código de Conduta para Prevenção do Assédio no Trabalho.

A assembleia aprovou também por unanimidade a proposta do Conselho de Administração para a atribuição de voto de louvor aos profissionais que, durante o período do Estado de Emergência, estiveram a trabalhar no direto, assegurando o normal funcionamento das valências residenciais (Lar Residencial e Residência Autónoma).




CERCINA realiza Assembleia Geral no dia 26 de junho

A CERCINA – Cooperativa de Ensino, Reabilitação, Capacitação e Inclusão da Nazaré vai reunir em assembleia geral no dia 26 de junho, pelas 20h30.
Da ordem de trabalhos consta a apreciação e votação do relatório de gestão e contas do período de 2019;
e a Apreciação e Votação do Código de Conduta para Prevenção do Assédio no Trabalho.

Consulte aqui:

– Convocatória (ver ficheiro pdf)
– Código de Conduta Para Prevenção e Combate ao Assédio no Trabalho (ver ficheiro pdf)




GIP regressa ao atendimento presencial sob marcação




Colaboradores do “direto” testados ao novo Coronavírus

Vinte e dois colaboradores da CERCINA foram hoje, dia 14 de maio, testados ao vírus SARS-CoV-2 (novo coronavirus), no âmbito do programa de testes de diagnóstico em lares e estruturas residenciais.
A medida abrangeu os colaboradores que, desde o início da pandemia, têm realizado serviço no apoio direto ao Lar Residencial e Residência Autónoma.
O programa de testes a lares é promovido pelo Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, em articulação com o Ministério da Saúde, operacionalizado através do Centro Distrital de Segurança Social de Leiria e das autoridades de saúde locais (ACES Norte).
Inicialmente previsto apenas para lares de terceira idade, o programa alargou-se depois às estruturas residenciais de apoio a pessoas com deficiência, após alerta das organizações do setor para a importância de se testar igualmente os colaboradores desta área social, de forma a garantir a segurança dos clientes e das equipas de trabalho.




Centro Qualifica CERCINA – Formulário de Inscrição Online

Invista na sua formação e aumente a sua escolaridade (6º, 9º ou 12º ano).
A equipa do Centro Qualifica CERCINA está a um clique de distância para ajudá-lo no seu processo de reconhecimento e validação de competências.
Face ao atual contexto provocado pela pandemia da Covid-19, os nossos serviços adaptaram-se para continuar a dar resposta às suas necessidades de qualificação.
Os nossos serviços presenciais ainda não estão disponíveis, mas pode inscrever-se e beneficiar do nosso acompanhamento gratuito, através do preenchimento de um formulário digital.

Faça aqui a sua pré-inscrição

Para mais informações, contacte-nos:
Telf: 926 984 485
Email: cercina@centroqualifica.gov.pt




Centro Qualifica CERCINA vê renovada a sua autorização de funcionamento

A renovação da autorização de funcionamento do Centro Qualifica CERCINA pela Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional, IP, foi confirmada no dia 5 de maio, com a publicação, em Diário da República, do Despacho nº5182/2020.
A decisão já havia sido comunicada após deliberação do conselho diretivo da ANQEP de 20 de abril último mas, com este ato formal, conclui-se o processo de renovação da autorização de funcionamento, após apresentação dos requerimentos e demais documentos formais de candidatura.
O Centro Qualifica CERCINA promove a Aprendizagem ao Longo da Vida e permite obter uma certificação escolar (Nível Básico e Secundário) ou profissional (nas áreas de Serviços de apoio a crianças e jovens e Hotelaria e restauração), através do desenvolvimento de processos de reconhecimento, validação e certificação de competências.
No Centro Qualifica CERCINA encontrará uma equipa de profissionais que acompanhará o seu percurso de qualificação.




Combate à violência doméstica – Brochura em leitura fácil

Por causa da pandemia de Covid-19, estamos confinados a casa. Essa situação pode levar a mais casos de violência doméstica, estando a vítima mais exposta ao agressor/a e com menos liberdade para procurar ajuda no exterior.
Entre as vítimas, em muitos casos, encontram-se pessoas com deficiência intelectual, às quais nem sempre a informação disponível lhes chega ou se encontra devidamente adaptada. Neste sentido, a FENACERCI compilou e adaptou para leitura fácil alguma informação considerada útil no que respeita a medidas de prevenção e contactos de âmbito nacional dos vários serviços que prestam apoio na área da violência doméstica, visando a disseminação junto das pessoas com deficiência e da rede de parceria local que atua neste domínio.

Consulte aqui a brochura de leitura fácil




Consignação IRS